Notícias


TCE-RJ autoriza governo a fazer novos repasses a empresas da Linha 4 do metrô


O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) autorizou o governo estadual a fazer novos repasses às empresas responsáveis pela construção da Linha 4 do metrô. A decisão tomada na tarde desta terça-feira (9) revoga medida cautelar determinada pelo próprio tribunal que impedia o aporte de novos recursos à concessionária.

Desde novembro de 2016, os repasses para as empresas que formam o consórcio Linha 4 estavam proibidos porque apuração do próprio TCE indicava o superfaturamento de R$ 3 bilhões nas obras. Com a decisão, o governo pode voltar a destinar recursos para a conclusão da estação do metrô na Gávea. A Linha 4 do metrô liga Ipanema à Zona Sul.

O consórcio responsável pelas obras é formado pelas empresas Odebretcht, Queiroz Galvão e Carioca Engenharia. Todas são investigadas pela Operação Lava Jato. No despacho do TCE, ficou acertado que será criada uma inspeção extraordinária para acompanhar todo o andamento das obras, quando elas forem retomadas.

Prevista para ser a estação mais profunda do metrô, as obras na Gávea estão paradas desde março de 2015. A promessa de conclusão das intervenções para os Jogos do Rio, em 2016, não foram cumpridas. Na época da olimpíada, cinco das estações foram inauguradas. Ao todo, a obra já consumiu R$ 9,7 bilhões.

A 4ª Promotoria de Justiça do Ministério Público informou que já tem inquérito civil sobre o caso e está estudando uma medida judicial. O órgão defende a continuidade das intervenções, mas não concorda com o aporte de mais recursos para a concesisonária Rio-Barra e as empresas.

Fonte: G1
Publicada em:: 10/01/2018

    

Eventos

Fotos dos Eventos

Confira as fotos dos últimos eventos