Av. Paulista, 1313 - 8º andar - conjunto 801 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

Passeio de trem pela região ocorrerá no dia 19 do próximo mês

10.07.2018 | | Notícias de Mercado

Um passeio único e que deslumbra as belezas naturais do Estado, assim é considerado pelos organizadores, o 1º Trem Rubi de Inverno, que ocorrerá no dia 19 do mês que vem. O evento será uma oportunidade para quem quiser conhecer ou ainda, reviver a época das estradas de ferro. O percurso será de ida e volta entre Tubarão e Laguna. É uma maneira diferente de conhecer um pouco de Santa Catarina e suas belezas.

Os visitantes terão a experiência de viajar na locomotiva a vapor sobre os trilhos instalados na região em 1884 e apreciar cenários de montanhas, campos, cidades, praias e lagoas ao longo do trajeto. Passear de trem foi talvez, a maneira mais comum de viagem durante muitos anos, e ainda é em alguns países.

Essa prática já não é mais tão popular no Brasil. No entanto, em muitas cidades do Estado e do país são promovidos estes passeios. O embarque do dia 19 do próximo mês, será a partir das 13h, com saída prevista para as 13h30min da estação do Museu Ferroviário de Tubarão e retorno às 17h30. O valor do passeio é de R$ 120 para pessoas acima de 11 anos, crianças de 6 a 10 anos o montante é de R$90 e menores de 5 anos não pagam. Está incluso no valor: a visita ao museu ferroviário, passagem de trem ida e volta, degustação de vinho na estação, café colonial em Laguna, cartucho de amendoim doce e gaiteiro nos vagões.

Conforme o voluntário do museu e um dos organizadores da ação, Jefferson Vitorino, o passeio é uma ação cultural e turística do museu, que visa a preservação da memória ferroviária. “São esses passeios que mantém o museu, as manutenções nos vagões e locomotivas. São as vendas do bilhetes que conserva essa famosa atração turística de Tubarão em funcionamento. Não tem dinheiro público. O trem está nos trilhos hoje, graças às pessoas que adquirem as passagens. Quando você compra uma passagem, não vai apenas fazer um passeio de trem. Mas está contribuindo com a preservação da memória ferroviária”, assegura.

A viagem tem por objetivo reproduzir a experiência dos antigos trens que percorriam diariamente os trilhos da Estrada de Ferro Dona Tereza Cristina até a década de 1960. Neste passeio o comboio será formado por uma histórica locomotiva a vapor, a rubi com vagões de madeira datados da primeira metade do século 20. A inauguração da estrada de ferro ocorreu em 1º de setembro de 1884 na Cidade Azul , com grande festa. O nome, Thereza Cristina, foi uma homenagem à esposa do então imperador do Brasil Dom Pedro 2º.

Fonte: NotiSul
Data: 04/07/2018