Av. Paulista, 1313 - 9º Andar - Conjunto 912 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

ALL investe R$ 350 mil e renova vagões

02.04.2007 | | ABIFER News

O Centro de Projetos de Vagões da empresa América Latina Logística (ALL), que funciona em Sorocaba, já recuperou 351 vagões que estavam inutilizados. O trabalho, que começou em setembro do ano passado, consiste na reforma completa dos vagões, que estavam parados há anos.Conforme informações passadas pela assessoria de imprensa da ALL, de agosto a dezembro de 2006, a empresa investiu R$ 350 mil na compra de equipamentos e reforma no Centro de Projetos de Vagões de Sorocaba. Entre outras ações, foi realizada a reforma de vestiários, a pintura dos prédios e a modernização dos equipamentos utilizados. Para os próximos anos, a empresa irá investir R$ 8 milhões na oficina, conforme foi publicado pelo jornal Cruzeiro do Sul. O montante será utilizado para contratação de serviços e para compra de peças e componentes para vagões. Atualmente, 207 pessoas trabalham no Centro de Projetos de Vagões, sendo que 40 delas foram contratadas no último mês.Nos meses de janeiro e fevereiro deste ano, o Centro de Projetos de Vagões de Sorocaba recuperou 105 vagões. Além destes, no mesmo período outros 89 passaram pela revisão bienal, 24 pela revisão anual e 28 por manutenção corretiva. ‘Se o vagão for graneleiro, nós podemos recuperá-lo para a mesma função ou então transformá-lo em vagão plataforma, para o transporte de contêiner. O mais importante é que este trabalho retira vagões abandonados do trecho, os coloca de novo nos trilhos e gera emprego na cidade‘, explica Rodrigo Gomes, gerente do Centro de Projetos de Vagões em Sorocaba.Centro de ProjetosNo Centro de Projetos de Vagões de Sorocaba é realizada a manutenção e revisão de todos os vagões de bitola métrica da empresa (distância entre os trilhos de um metro). Além da manutenção, a oficina em Sorocaba também é responsável pela transformação e reforma dos vagões, desenvolvendo vagões específicos para o transporte de industrializados, como bobinas de papel e aço e placas de MDF, além de vagões plataforma para o transporte de contêiner, entre eles o usado para levar leite longa vida e produtos frigorificados para exportação.Os investimentos previstos para a oficina em Sorocaba fazem parte do Plano de Virada da ALL previsto para a malha da antiga Brasil Ferrovias (ferrovias Ferroban, Ferronorte e Novoeste), adquirida em maio do ano passado. Esse plano pretende colocar o trecho adquirido no mesmo padrão do que a empresa já opera no Sul do país há 10 anos.‘Embora os indicadores operacionais de segurança, condições de via permanente e confiabilidade de locomotivas ainda sejam bastante inferiores em relação àqueles alcançados pela operação no sul do Brasil, já se começa a ver resultados. Acreditamos que este processo de virada operacional esteja concluído em dois ou três anos‘, afirma Bernardo Hees, diretor-presidente da ALL.Para dar sustentação ao seu plano de crescimento, a ALL irá investir neste ano R$ 500 milhões em toda sua malha, além de recuperar 40 locomotivas e 1.800 vagões da frota morta da antiga Brasil Ferrovias.