Av. Paulista, 1313 - 8º andar - conjunto 801 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

CPTM abre mais duas licitações para a expansão da linha 9 em direção ao extremo sul de São Paulo

30.06.2020 | | Notícias do Mercado

Prolongamento, que já chegou a ser adiado, agora é previsto para metade de 2022

 

Obras da estação Mendes/Vila Natal

A CPTM – Companhia Paulista de Trens Metropolitanos publicou neste sábado, 27 de junho de 2020, o aviso de duas licitações relacionadas à expansão da linha 9-Esmeralda para Varginha, no extremo Sul da capital.

Um das concorrências é para serviços técnicos especializados de engenharia para execução das obras de travessias de drenagem dos lotes 1 e 2 da extensão da linha 9. O edital vai ser publicado na próxima segunda-feira, 29, e as propostas devem ser entregues no dia 22 de julho, se não houver adiamentos.

A extensão da linha foi dividida em dois lotes, sendo o lote 1 do atual terminal Grajaú à futura estação intermediária Mendes/Vila Natal e, o lote 2, de Vila Mendes/Natal ao futuro terminal Varginha.

A outra licitação referente à expansão é para fornecimento de grupo gerador, com serviços de instalação, para a futura estação Mendes /Vila Natal.

Neste caso, a concorrência vai ser eletrônica, com possibilidade de participação a partir de terça-feira, 30 de junho de 2020. O processamento das propostas vai ocorrer no dia 15 de julho.

PREVISÕES:

Como mostrou o Diário do Transporte, a retomada das obras da estação Varginha, no extremo da Zona Sul da capital paulista, ocorreu em janeiro de 2020. A promessa do governador João Doria, na ocasião, era de entrega da estação em julho de 2022. A obra estava parada desde 2015 por causa de problemas em relação aos contratos.

Também no mesmo dia, 18 de janeiro de 2020, o presidente da CPTM, Pedro Moro, disse que o terminal de ônibus terá em torno de 10 mil metros quadrados e plataformas cobertas para embarque e desembarque.

A estação Varginha da CPTM terá cinco mil metros quadrados de área, quatro andares com acessos e mezaninos e deve receber em torno de 50 mil passageiros por dia.

O custo total da obra, de acordo com o governador João Doria, será de R$ 152 milhões, com recursos do governo de São Paulo e também da União. Relembre.

Já no dia 11 de janeiro de 2020, em visita às obras da estação Vila Natal Mendes, intermediária da extensão, o presidente da CPTM disse ao Diário do Transporte que a previsão de entrega do lote 01 da extensão era até o final de 2020.

 

Fonte: Diário do Transporte

Data: 27/06/2020