Av. Paulista, 1313 - 9º Andar - Conjunto 912 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

Empresa recebe incentivos do REIDI para compra de 21 locomotivas e 463 vagões de carga para escoar celulose para o Porto de Santos

06.10.2020 | | Notícias do Mercado

Investimento estimado da Bracell SP é de R$ 573 milhões

 

Locomotiva e vagões de carga da MRS. Foto: Divulgação MRS Logística

Portaria da Secretaria de Fomento e Parcerias do Ministério da Infraestrutura publicada nesta terça-feira, 06 de outubro de 2020, aprovou o enquadramento, para fins de habilitação ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura (REIDI), do projeto destinado à aquisição de 463 vagões e 21 locomotivas para o transporte de celulose, via ferrovia, do município de Pederneiras até Santos, no Estado de São Paulo.

O objetivo é atender à demanda de exportação do produto a ser escoado via Porto de Santos/SP.

O projeto foi proposto pela empresa Bracell SP Celulose Ltda, denominado “Projeto Aquisição de Ativos Móveis”.

O investimento estimado é de R$ 573.075.000,00.

A estimativa das suspensões fiscais é de R$ 53 milhões.



A ferrovia que será utilizada pelo novo material rodante é um trecho de concessão da Rumo Malha Paulista S.A. operado pela MRS Logística S.A..

A Bracell SP deverá informar à Secretaria de Fomento, Planejamento e Parcerias do Ministério da Infraestrutura quando concluir o projeto ou do pedido de cancelamento da habilitação.

O REIDI foi instituído através da Lei nº 11.488, de 15 de junho de 2007, e beneficia com a suspensão da exigência da Contribuição para o Programa de Integração Social e de Formação do Patrimônio do Servidor Público PIS/PASEP e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social – COFINS incidentes sobre bens e serviços os projetos voltados à implantação de infraestrutura nos setores de  transportes, portos, energia, saneamento básico e irrigação.

 

Fonte: Diário do Transporte

Data: 06/10/2020