Av. Paulista, 1313 - 9º Andar - Conjunto 912 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

Rumo terá pacote de boas notícias em 2021, aponta Ágora Investimentos

19.11.2020 | | Notícias do Mercado

A empresa transportou em outubro um volume 3% maior do que em 2019, puxado, principalmente, pelo carregamento de açúcar, que saltaram 207% (Imagem: Rumo/Linkedin)

Apesar dos resultados não terem agradado os analistas, a Rumo (RAIL3) tem tudo para continuar se valorizando em 2021, aponta a Ágora Investimentos em relatório enviado a clientes nesta terça-feira (17).

A empresa transportou em outubro um volume 3% maior do que em 2019, puxado, principalmente, pelo carregamento de açúcar, que saltou 207%. O volume da operação Norte cresceu 6%, enquanto a operação Sul registrou queda de 9%. O carregamento de soja, porém, caiu 80%, mas com os volumes de farelo de soja crescendo 20%.

“Mantemos nossa recomendação de compra para Rumo, uma vez que em 2021 a empresa deve se beneficiar de fatores positivos”, afirmaram Victor Mizusaki e Ricardo França.

Além disso, o valor do frete dos caminhões, que são grandes concorrentes do transporte ferroviário, deve subir após o início da cobrança de pedágio na BR163.

Resultados

A Rumo teve desempenho operacional recorde no terceiro trimestre, mas viu o lucro cair forte em meio ao declínio de tarifas de transporte ferroviário e despesas com a renovação antecipada da Malha Paulista.

A companhia, braço de logística do grupo Cosan (CSAN3), anunciou lucro líquido de julho a setembro de 171 milhões de reais, queda de 53,7% ante mesma etapa de 2019.

O resultado operacional medido pelo lucro antes de impostos, juros, amortização e depreciação (Ebitda) atingiu 1,11 bilhão de reais no período, caindo 7,7% no comparativo anual.

Além disso, a margem Ebitda declinou 4,3 pontos percentuais, para 54,3%.

Data: 17/11/2020