Av. Paulista, 1313 - 9º Andar - Conjunto 912 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

Governo Federal acata apoio de Instituto de Engenharia a People Mover para Aeroporto de Guarulhos

15.12.2020 | | Notícias do Mercado

Ofício do Ministério da Infraestrutura confirma solicitação à ANAC para inclusão do sistema no rol de obrigações contratuais da concessionária GRU Airport

 

Aeroportos como Heathrow, de Londres, têm o sistema para ligação entre terminais e a rede de transporte da capital.

O Ministério da Infraestrutura encaminhou ofício ao presidente do Instituto de Engenharia (IE), Eduardo Ferreira Lafraia, informando que solicitou à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a inclusão do sistema people mover no rol de obrigações contratuais da concessionária do Aeroporto Interacional de Guarulhos.

A solicitação do IE, entidade com mais de mais de um século de existência, foi feita no sentido de requalificar o Aeroporto de Guarulhos, a maior porta de entrada aérea do País, por meio dessa tecnologia de transporte.

O People Mover fará a ligação por trilhos entre a Linha 13 – Jade da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e os terminais do Aeroporto de Guarulhos.

O IE teve apoio no pleito das entidades parceiras ABIFER, AEAMESP, ALAF, ANTP, ANPTrilhos e SIMEFRE.

No ofício encaminhado ao Instituto, assinado pelo Secretário Nacional de Aviação Civil, Ronei Saggioro Glanzmann, este informa que os trâmites administravos referentes ao assunto encontram-se atualmente no âmbito da Agência, “a quem compete acordar com a concessionária do aeroporto os termos de um aditivo contratual que incorpore ao contrato de concessão a diretriz de política pública emanada deste Ministério”.

O ofício do Minfra ainda abre espaço para que o Instituto de Engenharia e as entidades parceiras contribuam com eventuais estudos técnicos adicionais “que evidenciem as vantagens da inclusão do empreendimento no conjunto de investimentos obrigatórios a serem realizados pela concessionária no Aeroporto Internacional de Guarulhos”.

Como mostrou o Diário do Transporte, em solenidade no dia 01 de dezembro de 2020, o secretário dos Transportes Metropolitanos Alexandre Baldy contou que esteve no Tribunal de Contas da União (TCU) buscando promover o início de obras no prazo mais célere possível.

Para o diretor do Departamento de Mobilidade e Logística do Instituto de Engenharia, Ivan Whately, todos os modos de acesso ao aeroporto estão sujeitos à influência de frequentes congestionamentos, exceto o trem da Linha 13 da CPTM, que percorre seu trajeto em via exclusiva, oferecendo maior rapidez e confiabilidade no deslocamento. “A ligação desta linha de trem com a rede de metrô-ferroviária paulista é fundamental para o seu sucesso e atração das pessoas por utilizar o transporte público para chegar no Aeroporto de Guarulhos”, completa.

 


Alexandre Pelegi, jornalista especializado em transportes