Av. Paulista, 1313 - 8º andar - conjunto 801 (11) 3289-1667 abifer@abifer.org.br
pt-bren

Monotrilho vai ligar São Mateus a 370 km de metrô e trens

08.10.2019 | | Notícias do Mercado

Apresentação de representantes do Metrô abordou o andamento das obras das estações

 

A proximidade de chegada do Monotrilho a São Mateus mobiliza os moradores e lideranças comunitárias da região. Na noite desta quinta-feira, o espaço da Praça da Atendimento da Subprefeitura foi ocupado por 88 pessoas que assinaram a lista de presença para assistir a uma apresentação de representantes do Metrô sobre a finalização das três estações que faltam para completar o trecho até a Praça Felisberto Fernandes da Silva e o prolongamento da linha, com a construção da Jardim Colonial, na avenida Ragueb Chohfi, altura do 1.400, já em obras.
O gerente de Empreendimentos da Linha 15 do Monotrilho, Roberto Torres, explicou que os trens já estão circulando em uma velocidade maior, com o aumento do número de passageiros. “Nos trechos em que isso é permitido, com segurança, estamos operando com o limite dos 80 km por hora”, informou, exigindo no telão imagens do pátio de manobras, na avenida Oratório, e das novas estações.
Torres e o coordenador de Obras Civis do Metrô, Aldo José Frati, reafirmaram que a previsão de entrega da Estação São Mateus será meados de dezembro deste ano, no mais tardar em janeiro e que as três estações que faltam para completar o trecho – Sapopemba, Fazenda da Juta, além da São Mateus – serão inauguradas em um mesmo dia.

Um folheto preparado pela Sacyr Somage Engenharia (que constrói a Estação Jardim Colonial), Metrô e Governo do Estado, distribuído aos participantes do encontro, informa que com a chegada do Monotrilho, a população de São Mateus e região terá acesso, com o pagamento de apenas uma passagem, a 370 km de percurso e 23 municípios. Poderá ir a Mogi das Cruzes e Jundiaí, por exemplo, apenas trocando de linhas, nas estações de integração. O folheto pode ser retirado na Praça de Atendimento da Subprefeitura, na Avenida Ragueb Chohfi, 1.400.
A previsão de entrega da Jardim Colonial é o segundo semestre de 2021. Alguns números da obra: 4.585 m² de área total, 1.000 betoneiras (caminhões) de concreto, 870 toneladas de aço, 1,8 km de ciclovia, duas passarelas de acesso metálicas, 9 escadas rolantes, 4 elevadores, 2 bicicletários. Mais importante ainda é a redução pela metade no tempo de viagem, com aumento significativo nas horas de descanso e lazer.
Ao recepcionar a equipe do Metrô, o subprefeito de São Mateus, Roberto Bernal, observou que a chegada do Monotrilho já provoca uma onda de investimentos e melhorias no bairro. “O comércio se movimenta, a Avenida Sapopemba está sendo revitalizada, a iluminação pública está sendo melhorada em cerca de 300 pontos. A rápida retomada dessa obra, pelo governador João Dória, foi fundamental para essa mudança ”, disse.
DESCOMPLICA
Após a apresentação, Roberto Bernal convidou todos os participantes para ver como estão as obras do Descomplica, a central de serviços municipais e de órgãos públicos, que está sendo montada na Subprefeitura e que também está prevista para inauguração em meados de dezembro. “ É mais um ponto de desenvolvimento para a região, pois vai gerar empregos e agilizar o atendimento em quase 300 modalidades. Faz parte da orientação do prefeito Bruno Covas de impulsionar a economia local, com medidas como essa e o Tô Legal, por exemplo, que regulariza o comércio ambulante” , declarou Bernal.
O subprefeito observou que esse encontro promovido pelo Metrô e Subprefeitura, com a presença de 88 participantes mostra que há o diálogo e a transparência são a melhor forma de entendimento. “Tivemos perguntas educadas e objetivas das lideranças e respostas satisfatórias dos representantes da empresa estadual. O lanche e o refrigerante oferecido pelo Metrô, ao final, deu um ar de confraternização. “Foi muito bom”, finalizou Bernal.

 

Data: 07/10/2019
Fonte: Prefeitura de São Paulo